English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

domingo, 13 de maio de 2012

Cultos Cátaro

Como um verme a rastejar

por restos pútrefos,
navego a carne crua,
mergulhando em feridas
num mar de sangue e pús.
Derramando o veneno
num toque suave
dos finos lábios inocentes
de uma torpe mulher,
pelo lamaçal fétido
a caminhada continua.
Mas escondido sob a bruma,
existe ainda uma flor púrpura
a espera da sua descoberta,
a espera da sua procura
da pessoa certa,
por de tras de mãos imundas... 
(Claudio Corrêa)

Nenhum comentário:

Postar um comentário