English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

terça-feira, 22 de maio de 2012

JROSOGUEDO

Jrosoguedo estava na sala de aula viajando, com o seu pensamento, lá! Na lua... totalmente avoado. E quando estava voltando do "Fantástico Mundo de Bob", percebeu que sua professora o estava chamando.

-Jrosoguedo! Preste atenção menino, estou falando contigo! Já fazem 10 minutos que estou te chamando e até agora nada. Acorda pra cuspir seu moleque levado!
Jrosoguedo responde.
- O que houve professora?
- Eu é que te pergunto. Está "abestado"?
- Só estava aqui pensando.
- Que pensando o quê! Eu sei que você está é chapado! Eu não sou otária "hein"? tenho anos e anos de profissão.
- Então me diga professora, como você sobreviveu todos este tempo
?
- Ahhhhh seu guri do Diabo! - exclamou a professora.
- Fica tranquila Prof... - respondeu em marcha lenta.
- Bem que eu tento, mas com a educação destas pestes de hoje em dia, eu não consigo mais manter a calma. - desabafou.
- Então tá professora, apenas me diga a razão de ter me tirado do "Meu Mundo".
- Tá bom "Jroso". Defina a palavra "Caráter". - Lançando aquele olhar desafiador para o aluno.
- Essa é fácil professora. Acho que não preciso nem responder né? -replicou.
- Não só precisa, como deve!
- Respondendo a sua pergunta professora... C-A-R-Á-T-E-R é um traço de personalidade que já não mais existe no nosso mundo, querida Prof. Por isso vivo no "Meu Mundo". Para não aguentar tanta corrupção, humilhações, preconceitos e cavalos encilhados. E talvez, frequentando o "Meu Mundo", um dia possa mudar tudo isso. Trazendo de lá tudo que tem de bom. E agora, por favor, deixe-me voltar!

A professora olhou para "Jroso" de maneira espantosa. Ficou calada durante alguns minutos e liberou a turma mais cedo.

(Pirado dos Pampas)

Em suma


Todo civil é rato
todo brasileiro
macaco
todo povo é enganado.

Todo brigadiano é porco
todo governo
lobo
todo "marginal" é morto.

A televisão é bela
a novela
a fera
realidade não absorvida pela nossa esfera.

Poesia sem sentido
ou não,
é assim que caminha a nação.

(Pirado dos Pampas)
                                                                                  
                                                           
....
Uma esperança, sem posse.
Um perigo, que não encerra.
Uma ânsia, que me preocupa.
Um desejo, que me alucina.
Presença, me tira o compasso.
Você, sempre quimera do
acaso.

sexta-feira, 18 de maio de 2012

O tempo


Corro atrás do tempo com pressa de viver possibilidades.
O ponteiro do relógio é
atroz e veloz, e jamais voltará.
Ah! Queixo-me dele!

Quando menino,
brincava na roda
da vida; sem pressa,
sem medo de ser feliz.

Agora rapaz, já não consigo
acompanhá-lo.Droga!
Por que motivo faltam
horas, minutos e segundos?

O João trabalha, estuda,
ri, chora, perde, ganha.
Enfim, ainda falta
tempo, pra tudo.

O segredo é saber usá-lo bem, pois nem
sempre é usufruido de maneira correta.

Arrisque!
É isso que ele intenciona, o induz!
O melhor de ti, nada além disso.

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Protesto, Sarcasmo e Álcool

 irei de inventar um samba
para entrar no Rock And Roll Hall of Fame
vou cantar "rezas"
para ser aceito na igreja
caminharei com fervor
para engordar
comer mais
para emagrecer
assistir televisão
para ser um cidadão mais ciente
e
fumar maconha
para tornar-me um demente.

(Pirado dos Pampas)

O parvo


Pouca importa
que o pato nade,
o cão late alto,
o gato cace o rato,
o mendigo sussurra.

Se você nem aqui,
está. Nada faz sentido,
nada mesmo. Pois te
esquecer é impossível,
o pensamento sempre
atraí-lhe, como vento
que bate no rosto.

Pouco importa, morena.
em outra acharei, algo,
talvez outra me espera.
Pouca importa, porém
pensamentos criam raízes
e pouca importa tudo a
me redor, apenas você.

Sempre serei o bobão,
enquanto tiver malícia
de cismar na mesma
pessoa, Ah! Um verme!
Que homem nunca teve
atitudes, dessas. Primeiro
nem homem és, e segundo
medíocre ser humano.

(Dom Quixote)

Literatura latino-americana perde um de seus mestres

Carlos Fuentes Macías (1928-2012)

Pormenor: a rede globo noticiou como um escritor
que criticara o governo Bush. Não precisa se referir a
cerca disso. A emissora poderia ter citado muitos
pontos positivos dele, além do prêmio de Cervantes
(1987). O jornal nacional, podia-se reportar, o titulo
de Doutor ''Honoris Causa'' da Universidade de
Ilhas Balleares, (sobretudo)da qualidade e extensão
da sua obra. O autor deveria ser mais respeitado, pois
tal comentário foi altamente inoportuno.

(Dom quixote)